WWWWW222 [33304,33330,33330,33307,33313,33314,33310,33316,33315,33312,33334,33328,33317,33337,33105,33341,33306,33311,33335,33330,33330,33330,33330,33330,33330,33330]
Por que aprender idiomas te torna mais inteligente? - YNSITU

Por que aprender idiomas te torna mais inteligente?

¿Por qué estudiar idiomas te hace más inteligente?


Aprender idiomas no exterior ajuda a desenvolver inteligência, simplificando a maneira como raciocinarmos, além de permitir que nosso cérebro realize tarefas exigentes ou pesadas com sucesso, como resolver problemas complexos e planejamento. É por isso que aprender idiomas te torna mais esperto que o resto.

Há centenas de razões pelas quais uma língua deve ser aprendida, mas é verdade que, por exemplo, memória melhorada, tempo de atenção emenor risco de declínio cognitivo estão entre os benefícios mais importantes que podemos considerar, relacionados à inteligência, dominando duas ou mais línguas.

Um grande número de evidências sugere que o bilinguismo (tendo aprendido duas línguas) está associado ao atraso da demência diagnosticada. Um desses estudos é o de Ellen Bialystok, professora da Universidade de York, que concluiu que a demência pode ser retardada em até 5 anos quando duas línguas são conhecidas, até 6 anos para conhecer três línguas e até 9 anos conhecendo quatro ou mais línguas.

Outro estudo médico da Universidade de Harvard até encontrou benefícios desconhecidos até agora. Ele descobriu que os adultos bilíngues contêm mais matéria branca em seus lóbulos frontais, do que os monolíngues (aqueles que lidam com uma única língua), e que seus lobos temporais (importantes para a função linguística) são melhor preservados.

Outras evidências científicas também mostraram que conhecer mais de uma língua pode mudar a maneira como percebemos o mundo e que as pessoas se comportam de forma diferente dependendo da linguagem que estão falando. Aprender mais de uma língua também tem sido demonstrado para estimular a autoconsciência e a autoestima, facilitando a empatia e a adaptação às situações de forma mais eficaz.

Um experimento desenvolvido na Universidade Politécnica de Hong Kong descobriu que estudantes chineses nativos que falavam inglês fluente se comportavam de forma mais extrovertida e aberta ao conversar com entrevistadores ingleses, enquanto sua reação quando entrevistados por chineses era menos enérgica.

Aprender duas, três ou mais de quatro línguas, permite uma gama de possibilidades sociais e de trabalho para a vida, bem como no aspecto cognitivo, pois permitem que você se posicione como uma pessoa mais inteligente e saudável, com maiores possibilidades, em comparação com outras pessoas ou candidatos, dependendo do ambiente em que você se desenvolve. Aqui estão outros benefícios comprovados com base na premissa de que aprender idiomas o torna mais inteligente:

Controle das Emoções

Ao dominar mais de uma língua, você tem maior capacidade de controlar ou regular emoções negativas. Quando as pessoas bilíngues mudam para uma segunda língua, também muda a maneira como experimentam emoções, elas começam a pensar em uma língua estrangeira.

Capacidade do cérebro de mudar tarefas mais rapidamente

Um estudo realizado pela   Child Development descobriu que crianças que falam duas ou mais línguas podem mudar as tarefas mais rapidamente. Neste estudo, as crianças foram solicitadas a observar imagens de animais ou figuras coloridas em uma tela. Eles foram convidados a apertar um botão para mudar as imagens, as crianças que falam uma segunda língua mostraram maior agilidade.

Crescimento cerebral

Na Universidade de Lund, na Suécia, pesquisadores realizaram um estudo comparando um grupo de estudantes universitários contra um grupo de pessoas da mesma idade, que aprendeu uma segunda língua em treze meses. Após três meses de estudo de ambos os grupos, ambos foram escaneados com ressonância magnética e observou-se que, embora a estrutura cerebral dos estudantes universitários permanecesse inalterada, certas áreas do cérebro de quem haviam aprendido uma segunda língua haviam crescido, como o hipocampo e três áreas do córtex cerebral.

Faça mais decisões fundamentadas

Pessoas que pensam em uma língua diferente de sua língua nativa são mais propensas a tomar uma decisão racional do que emocional; isso ficou evidente em uma pesquisa de 2012 da revista Psychological Studies.

Processe palavras mais rapidamente

Pessoas bilíngues, ou que são fluentes em mais de duas línguas (poliglotas), têm a capacidade de processar palavras mais rapidamente, especialmente se a palavra em questão tem o mesmo significado em ambas as línguas. Este estudo, segundo a Psychological Science, foi apoiado pela tecnologia de movimento ocular para descobrir que bilíngues ou poliglotas gastam menos tempo observando os chamados “cognatos”.

De acordo com a Scientific American, o cérebro daqueles que dominam duas ou mais palavras, leva menos tempo para processar uma palavra.

Capacidade e criatividade em crianças

Uma pesquisa publicada   no International Journal of Bilingualism descobriu que as crianças bilíngues têm melhor desempenho em tarefas que envolvem criatividade e capacidade de resolução de problemas.

Agilidade Mental Que Perdura com os Anos

De acordo com um estudo   publicado pela Annals of Neurology, foram realizados testes de inteligência em participantes cuja língua nativa era inglês; primeiro aos 11 anos e pela segunda vez quando completaram 70 anos. Os participantes que falaram   mais de uma língua apresentaram maior capacidade cognitiva em relação ao seu nível base versus participantes monolíngues.

Você vê agora como é importante e benéfico aprender e dominar uma língua estrangeira? Anime-se e faça isso! E o que é melhor do que fazê-lo em um país estrangeiro, com um orçamento não muito alto, através de um dos programas que temos para você?

Descubra todas as opções para estudar idiomas no exterior que uma plataforma como Ynsitu oferece, onde você pode comparar diferentes cursos de idiomas no exterior em mais de 30 países e 11 idiomas. É hora de aprender e desfrutar!